Marie Cuisine – charmoso restaurante no coração de Brasília

Marie Restaurante na 03 Sul. Foto
Marie Restaurante na 103 Sul. Foto Fábio Lacerda

Ao passar pela 103 Sul é impossível não notar o Marie Cuisine – um dos mais novos restaurantes da cidade e também um dos mais charmosos. Com apenas um mês de funcionamento já podemos falar sem medo que o Marie – com seu menu franco-italiano e todo seu estilo – já é o queridinho de políticos e empresários que vivem na cidade. Se você ainda não conhece o lugar, sugiro que antes de ir, faça uma reserva. Fui ao restaurante durante a semana no horário de almoço e fiquei impressionada ao constatar que mesmo sendo 12h30min quase todos os lugares estavam ocupados.

bar na calçada. O projeto, assinado pela dupla Priscila Machado e Karine Vaz, do Studio Brick Arquitetura
Bar na calçada do Marie – projeto, assinado pela dupla Priscila Machado e Karine Vaz, do Studio Brick Arquitetura

Ao todo o Marie pode comportar 150 pessoas. O espaço é bem amplo e arejado. Ah! E quem não quiser ir para o restaurante pode optar por ficar no balcão virado para a calçada, um bar literalmente voltado para a rua que faz lembrar os chamosos bistrôs franceses.

O menu do local chama atenção por resgatar clássicos das cozinhas italiana e francesa, como cassoulet e o crepe Suzette. Os preços variam muito, mas no geral nada é barato por lá. As entradas são todas a partir de R$53,00. Os pratos principais ficam entre R$83 e R$169 e as sobremesas, a partir de R$45.

Recomendo começar com a terrine de Foie Gras com chutney de figo  e brioche de laranja (R$139), que pode ser compartilhada e é, simplesmente, divina. De prato principal, sugiro o Poulpe Fumé – polvo defumado no carvão com arroz negro e banana da terra à milanesa (R$139) ou o Crevettes aux herbes de Provence – camarões GG à provençal e fettuccine fresco (R$139).

terrine de Foie Gras com chutney de figo  e brioche de laranj
terrine de Foie Gras com chutney de figo  e brioche de laranja
Poulpe Fumé – polvo defumado no carvão com arroz negro e banana da terra à milanesa
Crevettes aux herbes de Provence – camarões GG à provençal e fettuccine fresco

As sobremesas são bem variadas e custam em média R$48. Adorei e recomendo a Pavlova Marie (R$49) – suspiro artesanal com cremes de iogurte e frutas vermelhas.

Pavlova Marie

Carta de vinho Marie Restaurante

Como em grande parte dos restaurantes da cidade, a carta do Marie também é composta exclusivamente por rótulos da importadora Del Maipo. São vinhos provenientes da França, Itália, Espanha, Portugal, Hungria, Uruguai, Argentina, Chile e do Brasil. Os vinhos franceses dominam a carta, especialmente os de Bordeaux. Também há uma certa variedade de bons vinhos italianos da região do Piemonte. Para harmonizar com os pratos que pedi, elegi o Sensi 1890 Collezione Pinot Grigio de boa relação preçoxqualidade (R$135).

Sensi Pinot Grigio

Por lá, também existem algumas opções de vinho em taça a partir de R$30. Ah! e outro detalhe: quem quiser levar o próprio vinho pode. A rolha custa R$60,00.

Na área externa do Marie Restaurante com o empresário e restaurateur Carlos Rodrigues (Carlão)

Marie Cuisine

Marie é a terceira casa do grupo Famiglia Papà, que conta também com o Papà Cucina e o Babbo Osteria. Comandado pelo empresário e restaurateur Carlos Rodrigues, o grupo conta com uma equipe de peso: José Carlos, pai de Carlão, que foi cozinheiro do consagrado Ca’d’Oro em São Paulo e os chefs Theo Marques, que supervisiona as três cozinhas e Lili Araújo, que cuida das sobremesas dos restaurantes. Quem assina o menu é o chef Marcílio Araújo, que já passou pela cidade quando comandava a cozinha do grupo Le Vin.

Marie Cuisine
Endereço: CLS 103 bloco A
Reservas: 61 2411.3437

Horário de funcionamento: De segunda a quinta, das 12h às 16h e das 19h à 0h. Sexta e sábado, das 12h às 17h e das 18h à 1h. Domingo, das 12h às 17h

Instagram: @mariecuisinebrasilia

Leia também: Más Vino comemora o outono com rótulos a partir de R$39

Comentários
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Quem Sou

Sou jornalista especialista em vinhos e em comunicação digital. Sou sommelier Fisar e diretora da Associação Brasileira de Sommeliers do DF. Possuo qualificação Nível 3 (Wine Spirit Education Trust) e o Intermediário do ISG. Também tenho certificado em vinhos franceses (FWS) e vinhos californianos (CWAS).

Categorias

Veja Também

30 anos da ARBL

Brasília será o palco de uma celebração gastronômica especial em comemoração aos 30 anos da…

Piribier 2024

A 15ª edição do Piribier promete muita cerveja gelada e rock de qualidade. O evento…

Vinhos da Serra Gaúcha no Rio de Janeiro

Vinícolas da região da Serra Gaúcha marcam presença em dois eventos no Rio de Janeiro…

A experiência e as lembranças são as bases do enoturismo

O enoturismo nacional está ganhando destaque e importância crescente, tanto para a indústria do vinho…