Para iniciantes: Dica sobre vinhos baratos

Em tempos de crise, fica praticamente impossível comprar vinhos caros para degustar no dia a dia. No entanto, há alguns detalhes muito importantes para conhecer a respeito do  vinho mais barato. É que esses vinhos normalmente são feitos em larga escala e a tendência é decaírem a cada ano. Na prática, então, podemos deduzir que vinhos feitos para envelhecer não são baratos. Logo, nada de comprar um vinho com menos de três dígitos no supermercado ou em lojas especializadas e achar que ele vai melhorar com o tempo, ok? Essa história de que vinho bom é vinho antigo vale para menos de 10% dos vinhos que estão à venda pelo mundo.

Ao comprar um vinho mais barato, opte sempre pelo da safra mais recente, principalmente se o vinho for branco. Claro que essa é uma constatação genérica, por isso, o indicado mesmo é sempre procurar o auxílio do sommelier do estabelecimento que vai saber com detalhes sobre a safra, a procedência, a estrutura e a idade ideal de consumo dos produtos que estão sendo oferecidos para o consumidor.

Comentários
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Quem Sou

Sou jornalista especialista em vinhos e em comunicação digital. Sou sommelier Fisar e diretora da Associação Brasileira de Sommeliers do DF. Possuo qualificação Nível 3 (Wine Spirit Education Trust) e o Intermediário do ISG. Também tenho certificado em vinhos franceses (FWS) e vinhos californianos (CWAS).

Categorias

Veja Também

Atrações WOW para férias em julho

Se você está planejando suas férias em Portugal neste mês de julho, uma visita ao…

Enólogo da Argento Apresenta Vinhos no Brasil

Nesta semana, o renomado enólogo argentino Juan Pablo Murgia, responsável pelos vinhos da Bodega Argento,…

Linha Carmen Reserva Frida Kahlo

Magdalena Carmen Frida Kahlo Calderón, nascida em 6 de julho de 1907, em Coyoacán, México,…

ORO, as adegas que conquistaram os brasilienses

Ter uma boa adega em um restaurante é indispensável. Não dá para caprichar na cozinha…