Beaujolais Nouveau: viva a França. Viva os vinhos!

O evento Le Beaujolais Nouveau est arrivé, ocorrido no último dia 07 de dezembro, foi uma parceria da Aliança Francesa de Brasília com a embaixada da França. O calor e afeto dos brasilienses com a elegância misteriosa e contida dos franceses deram uma atmosfera um tanto inusitada para a festa regada ao vinho Beaujolais e às borbulhas do champanhe Mumm. Dez rótulos criados especialmente para o evento, com desenhos de pontos turísticos de Brasília, marcaram essa fusão franco-brasileira.

Dois dos dez rótulos especiais de Beaujolais Noveau em homenagem a Brasília

“Eu não estou certo que o Beaujoulais Nouveau é o melhor da França”, brincou o embaixador da França no Brasil, Michel Miraillet, em seu discurso aos convidados francófonos, alunos e apreciadores da cultura e gastronomia francesas. Na verdade, o Beaujolais é polêmico e carrega um estigma de não ser dos melhores, ainda assim, escolheram os rótulos para harmonizarem com a farta mesa de frios oferecida aos convidados. Uma boa característica dos franceses, aliás, é justamente essa personalidade polêmica.


Os beaujoulais harmonizados com os diferentes tipos de queijos franceses, patê de “foie gras”, terrines e pães, foram sucesso, entre as pessoas que saboreavam os acepipes sob a melodia de uma seleção musical que inicialmente foi francesa (indo de Charles Aznavour a Zaz) e terminou com hits nacionais e internacionais dançantes dos anos 80 e 90.

“Vive la France”, saudou o embaixador que com simpatia, abriu a embaixada para oferecer aos presentes alguns aromas da França.

Beaujolais


A região de Beaujolais é bem perto de Lyon, cidade da gastronomia francesa e da “Fête des Lumières”, conhecida como festa das Luzes que ocorre todos os anos. Vou destacar um dos vinhos com desenhos de Brasília que apreciei no evento: o Fleuri.

Em defesa do vinho que muitos franceses torcem o nariz, é importante destacar alguns “terroirs” como o de Fleurie, que tira do solo de granito rosa sua cor vermelho carmim intenso e seus aromas florais de íris, violeta, rosa e frutados de frutas vermelhas e pêssego e com a variação das texturas do solo dá origem a diferentes estilos de vinho. Os vinhos produzidos a partir desses vinhedos são conhecidos por seus aromas mais delicados, enquanto uma maior proporção de argila que retém a água ainda mais pelas encostas dá um estilo de vinho um pouco mais denso e estruturado.

Fleurie é um dos mais conhecidos dos dez Beaujolais crus. Os vinhos Fleurie são alguns dos mais conceituados no Beaujolais – são leves, sedosos e flexíveis, com aromas florais. Outros Crus muito famosos: Moulin-à-Vent (vinhos mais robustos) e Chiroubles (vinhos mais elegante)

Sobre o Beaujolais Nouveau

Vinho leve, feito com a uva Gamay e pelo processo de maceração carbônica (técnica de vinificação onde a uva não é esmagada; cachos inteiros são colocados em um recipiente anaeróbico, em que a retirada do Oxigênio acontece com a introdução do Gás carbônico).
O que ocorre é uma fermentação intracelular, dentro dos grãos inteiros formando uma pequena quantidade de álcool e diversos componentes aromáticos. Processo que dura de 1 a 3 semanas.
O Beaujolais Nouveau é lançado mundialmente na terceira semana de novembro. (O lançamento em Bsb atrasou um.pouquinho). Esse vinho normalmente é leve, tem aromas de banana e cereja e é feito para ser consumido rápido.

Texto de autoria de Fabiana Gomes

Comentários
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Quem Sou

Sou jornalista especialista em vinhos e em comunicação digital. Sou sommelier Fisar e diretora da Associação Brasileira de Sommeliers do DF. Possuo qualificação Nível 3 (Wine Spirit Education Trust) e o Intermediário do ISG. Também tenho certificado em vinhos franceses (FWS) e vinhos californianos (CWAS).

Categorias

Veja Também

Atrações WOW para férias em julho

Se você está planejando suas férias em Portugal neste mês de julho, uma visita ao…

Enólogo da Argento Apresenta Vinhos no Brasil

Nesta semana, o renomado enólogo argentino Juan Pablo Murgia, responsável pelos vinhos da Bodega Argento,…

Linha Carmen Reserva Frida Kahlo

Magdalena Carmen Frida Kahlo Calderón, nascida em 6 de julho de 1907, em Coyoacán, México,…

ORO, as adegas que conquistaram os brasilienses

Ter uma boa adega em um restaurante é indispensável. Não dá para caprichar na cozinha…