Merlot da Arteviva conquista ouro na França

Na 47ª edição do Challenge International du Vin, uma prestigiosa competição de vinhos e destilados realizada na França e considerada a mais antiga do gênero, um Merlot envelhecido em barris de madeira brasileira conquistou a medalha de ouro. O vinho premiado, Arteviva Elementar Merlot 2021, chamou a atenção dos jurados internacionais pela sua elegância e complexidade, resultantes do seu amadurecimento em barricas de carvalho e jequitibá-rosa, uma madeira típica do Brasil. Ao todo, mais de 2,6 mil amostras de 24 países foram avaliadas durante o evento.

“O reconhecimento internacional nos traz a ideia de que estamos no caminho certo, trabalhando a integração entre entre cores, aromas e sabores de maneira que a madeira agregue ao vinho e não encubra a expressão do varietal. Esse Merlot possui todos os elementos que compõem o nosso terroir”, celebra o enólogo Giovanni Ferrari.

Na elaboração, após a seleção dos cachos nos vinhedos, a matéria-prima passou por fermentação integral em barricas de carvalho francês. O líquido seguiu seu caminho maturando 12 meses em barris de carvalho francês, esloveno e americano e parte em barril de madeira brasileira (jequitibá-rosa). 

O Arteviva Elementar Merlot 2021 reafirma a casta como uma variedade emblemática da região da Serra Gaúcha. As uvas utilizadas para produzir este vinho são provenientes de vinhedos localizados em Cotiporã, na Serra Gaúcha. O vinho apresenta uma tonalidade violácea e possui um amplo leque aromático em camadas, revelando notas florais, frutas vermelhas e frutas negras, como cassis. No paladar, o vinho oferece elegância, consistência e uma longa persistência, graças ao equilíbrio entre álcool, acidez e taninos. Isso destaca a qualidade e o caráter distintivo desse Merlot da Arteviva.

Arteviva Elementar Merlot 2021

Origem das uvas: Cotiporã, Serra Gaúcha

Vinho nobre tinto seco

14,3% álcool

Disponível em www.vinicolaarteviva.com.br/loja-virtual.

Sobre a Arte Viva

A Vinícola Arte Viva tem a missão de elaborar produtos com singularidade, exoticidade, consistência e fineza, proporcionando a transcendência de paradigmas do universo dos vinhos. Nosso propósito é promover o desenvolvimento da sensibilidade humana através do mundo do vinho. Alicerçado em valores como integridade, responsabilidade, criatividade e sustentabilidade, o projeto do enólogo bento-gonçalvense Giovanni Ferrari tem sua unidade de elaboração em São Valentim, Bento Gonçalves (RS). Atualmente, o volume de produção é de 55 mil garrafas/ano. Com formação em Viticultura e Enologia pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRS), Campus Bento Gonçalves, Ferrari iniciou sua trajetória profissional em 2009, quando conheceu os vinhos finos de alta gama. Com passagens por vinícolas de pequeno, médio e grande porte no Brasil, também realizou estágios no Douro (Portugal) e em Epernay (França).

Comentários
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Quem Sou

Sou jornalista especialista em vinhos e em comunicação digital. Sou sommelier Fisar e diretora da Associação Brasileira de Sommeliers do DF. Possuo qualificação Nível 3 (Wine Spirit Education Trust) e o Intermediário do ISG. Também tenho certificado em vinhos franceses (FWS) e vinhos californianos (CWAS).

Categorias

Veja Também

Brazil Wine Challenge 2024: Recorde de Medalhas e Gran Ouro

O 12º Brazil Wine Challenge, realizado pela Associação Brasileira de Enologia (ABE) de 16 a…

Quatro vinhos e um espumante para beber no inverno

À medida que os dias frios se aproximam, a Cooperativa Vinícola Garibaldi apresenta uma seleção…

Grupo Wine Lança Vinícola “Entre Dois Mundos”

O Grupo Wine, líder no mercado brasileiro de vinhos e importações, lançou a “Entre Dois…

Semana de Rolha Free e Delícias

O brasiliense tem se tornado, cada vez mais, um apreciador de vinhos. Em resposta a…