Enoturismo Miolo: terrois brasileiros

Vale do São Francisco Vapor do Vinho
Vale do São Francisco Vapor do Vinho

Quando a Vinícola Miolo abriu as portas do porão da casa de pedra erguida pelo imigrante Giuseppe Miolo para receber turistas, o Vale dos Vinhedos estava florescendo.

Naquela época, no início da década de 1990, a Família Miolo já dava as primeiras investidas no enoturismo, antes mesmo de o roteiro se tornar oficial. De lá para cá, o turismo de experiência só cresceu e hoje a Miolo Wine Group (MWG) oferece nove atrações enoturísticas. Três delas estão entre as novidades: o Roteiro Terroirs no Vale dos Vinhedos; os Roteiros Expedição Lendária e IP Campanha Gaúcha, em Santana do Livramento.

Vale dos Vinhedos
Vale dos Vinhedos
Enoturismo de Terroir Brasileiro

Roteiro Terroirs chega para proporcionar uma viagem através de vinhos elaborados nas quatro regiões onde a Miolo Wine Group produz, sendo elas: Vale dos Vinhedos – Bento Gonçalves, RS (Miolo), Campanha Meridional – Candiota, RS (Seival), Vale do São Francisco – Casa Nova, Bahia (Terranova) e Campanha Central – Santana do Livramento, RS (Almadén). São quatro rótulos, um de cada terroir. Única no Brasil a produzir em quatro diferentes regiões vitivinícolas, a Miolo cultiva 55 variedades de uvas viníferas, além de outras 14 em fase de teste. Com isso, a marca se distingue por oferecer a maior variedade de produtos ao mercado com 112 rótulos próprios.

Somente no Vale dos Vinhedos são mais de 200 mil turistas por ano, número que vem crescendo de 10% a 15% a cada safra. Com o lançamento do Roteiro Terroirs, a empresa espera atrair ainda mais apreciadores em torno da cultura do vinho. A oferta na unidade se completa com o tradicional Roteiro Turístico, Roteiro DOVV Vinhos, Roteiro DOVV Espumantes e Roteiro Os Sete Lendários. São cinco vivências com duração de 1h a 2h. Com exceção do Roteiro Turístico, as demais exigem agendamento prévio.

Almadén - Cerro Palomas
Almadén – Cerro Palomas

Outra opção para quem busca viver uma experiência única no mundo do vinho é o Roteiro Expedição Lendária, que passa a integrar as opções da Vinícola Almadén, em Santana do Livramento, na Campanha Central do Rio Grande do Sul. É lá, em uma propriedade de 1.200 hectares, sendo 450 destinados, exclusivamente, ao cultivo de uvas, que o grupo inaugurou em setembro o Roteiro Enoturístico Almadén, com a expectativa de atrair 100 mil visitantes por ano. O lançamento, com 5h de duração, entra em ação durante a Vindima 2023, permitindo ao visitante degustar os ícones da MWG num almoço campeiro harmonizado.

Museu
Museu Semente

Outra novidade em operação é o Roteiro IP Campanha Gaúcha, que proporciona um passeio por aromas e sabores do terroir, com rótulos que exibem o Selo da IP. A visita pelo local inclui o Museu Semente, deck panorâmico nos vinhedos, torres, passarela sobre tanques, salas de degustação e o grande diferencial da unidade: o primeiro free shop de vinhos brasileiros em uma vinícola. O novo modelo de venda oferece todos rótulos da Miolo Wine Group com preços até 30% mais baixos.

Vale do São Francisco
Vale do São Francisco
Enoturismo no Sertão

Uma das experiências mais inusitadas do grupo fica no nordeste brasileiro, na Vinícola Terranova. É o Roteiro Turístico aliado ao Vapor do Vinho pelas águas do Velho Chico, no Vale do São Francisco. Surpreendente, o tour parte de Juareiro, com degustação de espumantes Terranova no barco até chegar à vinícola, onde os visitantes encontram vinhedos em meio ao semiárido, além de uma estrutura composta por cantina, cave subterrânea, engarrafamento, destilaria, sala de degustação e varejo. Lá, são degustados quatro rótulos que nascem de duas safras alimentadas pelas águas do rio por meio de irrigação (gotejamento).

Cabana no Wine Garden Miolo
Cabana no Wine Garden Miolo
Investindo no enoturismo

O enoturismo é uma realidade na maioria dos países produtores de vinho e uma prática consolidada, inclusive no Brasil. Ao investir no enoturismo, a MWG aposta na atividade também como ferramenta de divulgação e promoção da cultura do vinho, além de alternativa de renda com agregação de valores para diversos setores econômicos, interferindo no desenvolvimento do trade turístico de cada região. Adriano Miolo, explica que o terroir de origem conta muito sobre o produto, além de ser uma forma de se inserir nele, servindo de incentivo para a conquista e manutenção de IGs e Dos.

Todas as experiências oferecidas pelo Wine Garden na Miolo estão disponíveis no link: https://www.wine-locals.com/buscar?q=wine%20garden.

MIOLO – VALE DOS VINHEDOS (SERRA GAÚCHA – RS)
  • • Roteiro Turístico – R$ 50 (8 turmas por dia, 1h, degustação de 4 rótulos)
  • Roteiro Terroirs – com agendamento – R$ 90 (2 turmas por dia, 1h, degustação de 4 rótulos)
  • • Roteiro DOVV Vinhos – com agendamento – R$ 130 (1 turma por dia, 1h20min, degustação de 4 rótulos)
  • • Roteiro DOVV Espumante – com agendamento – R$ 130 (1 turma por dia, 1h20min, degustação de 4 rótulos)
  • • Roteiro Os 7 Lendários – com agendamento – R$ 280 (sextas e sábados, 2h, degustação de 4 rótulos)
ALMADÉN – SANTANA DO LIVRAMENTO (CAMPANHA GAÚCHA – RS)
  • • Roteiro Turístico – R$ 30 (5 turmas por dia, 1h, degustação de 4 rótulos)
  • Roteiro IP Campanha Gaúcha – R$ 75 (2 turmas por dia, 1h, degustação de 4 rótulos)
  • Expedição Lendária – R$ 380 (1 turma por final de semana, 5h, almoço harmonizado)
TERRANOVA – CASA NOVA (VALE DO SÃO FRANCISCO – BA)
  • • Roteiro Turístico + Vapor do Vinho pelas águas do Velho Chico – R$ 30 (6 turmas por dia, 1h, degustação de 4 rótulos)
MIOLO NO BRASIL E NO MUNDO
  • 1.000 hectares de vinhedos próprios – Nossa Fortaleza.
  • 04 vinícolas produtoras de vinhos e espumantes, em 04 regiões vitivinícolas do Brasil.
  • Maior variedade do mercado: Vinícola Miolo (Vale dos Vinhedos/RS), Vinícola Seival State (Campanha Meridional/RS), Vinícola Almadén (Campanha Central/RS) e Vinícola Terranova (Vale do São Francisco/BA).
  • 04 marcas com produtos em comercialização em território nacional e internacional.
  • 112 rótulos próprios, a maior oferta em produção nacional.
  • 10 milhões de litros produzidos anualmente e uma capacidade total de armazenagem de 17 milhões de litros.
  • 55 variedades viníferas cultivadas e 14 novas em teste.
  • 32 países para os quais os vinhos finos e nobres do grupo são exportados.
  • + de 900 premiações nacionais e internacionais.

Fotos: Imagens acervo Miolo

Comentários
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Quem Sou

Sou jornalista especialista em vinhos e em comunicação digital. Sou sommelier Fisar e diretora da Associação Brasileira de Sommeliers do DF. Possuo qualificação Nível 3 (Wine Spirit Education Trust) e o Intermediário do ISG. Também tenho certificado em vinhos franceses (FWS) e vinhos californianos (CWAS).

Categorias

Veja Também

Restaurante Aroma ganha novos pratos e ambientes

O Restaurante Aroma celebra seu quinto aniversário no final deste ano, mas já começou a…

João Roquette da Qualimpor é personalidade do Ano no Brasil

O dirigente da Qualimpor, João Roquette, português de origem, foi recentemente laureado com o título…

Participe do Festival de sakês no Noru Sushi

Se você é um entusiasta da culinária japonesa ou está à procura de aventuras culinárias…

Sugestões WM Vinhos para a sua adega. Confira!

E quem não adora ter uma garrafa de vinho à mão em casa, certo? Melhor…