Wine Chef apresenta os vinhos Antawara em Brasília

Jaime Muñoz (Proprietário Antawara) e Alex Ordenas (Wine Chef)
Jaime Muñoz (Proprietário da Antawara) e Alex Ordenas (Wine Chef)

O sommelier Alex Ordenas esteve em Brasília mais uma vez para conduzir a degustação de alguns vinhos ícones chilenos do projeto Wine Chef e, dessa vez, tivemos o privilégio de experimentar os vinhos Antawara, apresentados por seu proprietário Jaime Muñoz. O evento aconteceu na Rota do Vinho, localizada na 410 Sul.

Saiba mais sobre o projeto Wine Chef lendo aqui.

Vinícola Antawara

Icon
Icon 2013 – Vinho Premium da Antawara

A Antawara é uma vinícola chilena fundada em 2006 pelo enólogo Jaime Muñoz, que possui experiência na produção de vinhos no Chile e na França, mais especificamente em Saint Emilion. Em 2009, o engenheiro Pablo Varas se uniu a Muñoz em sociedade e hoje administram a propriedade. Ambos possuem mais de 12 anos de experiência no mercado internacional de vinhos.

Os vinhos são oriundos no Valle del Maipo, no pé da Cordilheira dos Andes ao sul de Santiago e também no Vale de Curicó. Ambas regiões estão localizadas no Vale Central. A vinícola produz aproximadamente 500 mil garrafas de vinho por ano, sendo que a maioria dos vinhos é exportada para o mercado chinês.

Os vinhos

Dois vinhos me chamaram muita atenção por motivos completamente diferentes.

Antawara Cabernet Sauvignon 2018

Antawara Cabernet Sauvignon 2018
Antawara Cabernet Sauvignon 2018

É o vinho de entrada da vinícola mas entrega uma boa qualidade dentro da sua proposta. É o tipo vinho fácil de beber, com muita fruta, como amoras e ameixas, um toque de pimenta e baunilha. O que eu gostei é que o vinho não apresentou notas abundantes de pirazina, às vezes muito frequentes em cabernets do Chile. Os taninos e acidez são médios. O corpo é médio menos. É um vinho bem feito e democrático. Preço de referência: R$ 70

La Estrella Ícone 2013

La Estrella Ícone 2013
La Estrella Ícone

Agora já fui para o lado oposto de proposta de vinho! Esse é o premium da vinícola! É um blend de 75 % Cabernet Sauvignon, 18 % Carmenere e 7% Petit Verdot! Um vinho com estrutura e corpo! É feito para agradar os paladares que gostam de vinho potente! Amadurece por 24 meses em barricas de carvalho francês. É um vinho intenso em termos de aromas e sabores. Apresentou notas de ameixas maduras, chocolate, cassis, pimenta e um leve mentol. A acidez é alta e o tanino é médio alto. Possui um final longo. Pede um bom acompanhamento. Tem potencial de envelhecimento. Uma carne ou um prato mais gorduroso poderia ir bem com esse rótulo. Preço de referência: R$ 490

Infelizmente esses vinhos ainda não estão sendo vendidos em Brasília. Procurei em alguns sites para ver se encontrava, mas também não achei. Quem sabe daqui a pouco chega no nosso mercado?

Degustação em Brasília do Projeto Wine Chef
Degustação em Brasília do Projeto Wine Chef

Texto: Bianca Dumas

Comentários
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Quem Sou

Sou jornalista especialista em vinhos e em comunicação digital. Sou sommelier Fisar e diretora da Associação Brasileira de Sommeliers do DF. Possuo qualificação Nível 3 (Wine Spirit Education Trust) e o Intermediário do ISG. Também tenho certificado em vinhos franceses (FWS) e vinhos californianos (CWAS).

Categorias

Veja Também

I Love Italian Wines em Brasília

Brasília se prepara para receber pela primeira vez o evento “I Love Italian Wines“, o…

Guia Michelin volta ao Brasil

O renomado Guia Michelin retornou ao Brasil com uma grande novidade: o número de restaurantes…

30 anos da ARBL

Brasília será o palco de uma celebração gastronômica especial em comemoração aos 30 anos da…

Piribier 2024

A 15ª edição do Piribier promete muita cerveja gelada e rock de qualidade. O evento…