Barca Velha e Pêra Manca na mira dos falsificadores

FRAUDE

A Autoridade de Segurança Alimentar e Econômica (ASAE) de Portugal aprendeu 110 garrafas falsificadas de dois dos principais vinhos portugueses: o Barca Velha, do Douro, e o  Pêra Manca, do Alentejo, no valor total de 30 mil euros. Pelo menos oito pessoas estão sendo investigadas.

Barca Velha: vinho top do Douro, agora alvo de alguns falsificadores
Barca Velha: vinho top do Douro, agora alvo de alguns falsificadores

Tudo começou com uma denúncia, seguida da apreensão de garrafas falsas misturadas com as dos ícones verdadeiros no freeshop do aeroporto de Lisboa, informou o site Expresso.Sapo.pt em matéria publicada no último dia 24 de janeiro. Segundo a ASAE estima-se que haja mais garrafas falsificadas, sobretudo direcionadas para o circuito de exportação para o Brasil e Angola. (Uma das denúncias, inclusive foi de um consumidor brasileiro que identificou ser falsificado um vinho de 400 euros que havia comprado pela internet).

Pêra-Manca: vinho ícone do Alentejo na mira dos falsificadores
Pêra-Manca: vinho ícone do Alentejo na mira dos falsificadores

José Mateus Ginó, diretor comercial da Fundação Eugénio de Almeida, que produz o alentejano Pêra Manca, admitiu ao site português Expresso “a ameaça” de falsificação: “É um problema que nos toca e nos preocupa.”Mas,mantém “uma posição de reserva”, uma vez que diz saber “muito pouco sobre a eventual contrafação” e prefere aguardar pelos desenvolvimentos da investigação. Foi o que informou a matéria publicada no Sapo.pt.

Apesar de poucas garrafas falsas terem sido apreendidas, estima-se que haja mais em circulação, pois os especialistas não acreditam que um esquema de negócios deste é montado para falsificar poucas garrafas. O grande problema, segundo os entendidos, é que  muitos dos que adquirem estes vinhos são pessoas com poder de compra, que gostam de mostrar status, mas que “não os conhecem verdadeiramente”, o que dificulta a identificação da falsificação.

 

Fonte: Expresso.Sapo.pt

Comentários
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Quem Sou

Sou jornalista especialista em vinhos e em comunicação digital. Sou sommelier Fisar e diretora da Associação Brasileira de Sommeliers do DF. Possuo qualificação Nível 3 (Wine Spirit Education Trust) e o Intermediário do ISG. Também tenho certificado em vinhos franceses (FWS) e vinhos californianos (CWAS).

Categorias

Veja Também

Brazil Wine Challenge 2024: Recorde de Medalhas e Gran Ouro

O 12º Brazil Wine Challenge, realizado pela Associação Brasileira de Enologia (ABE) de 16 a…

Quatro vinhos e um espumante para beber no inverno

À medida que os dias frios se aproximam, a Cooperativa Vinícola Garibaldi apresenta uma seleção…

Grupo Wine Lança Vinícola “Entre Dois Mundos”

O Grupo Wine, líder no mercado brasileiro de vinhos e importações, lançou a “Entre Dois…

Semana de Rolha Free e Delícias

O brasiliense tem se tornado, cada vez mais, um apreciador de vinhos. Em resposta a…