Venda de bebidas alcoólicas ilegais na internet

Ao realizar uma rápida busca pelas plataformas de vendas online, é possível notar a presença de diversos anúncios de bebidas alcoólicas sendo comercializadas por valores significativamente abaixo da média de mercado.

Com promoções atrativas que estão se tornando cada vez mais comuns nos e-commerces e marketplaces, também cresce a preocupação com a venda de produtos falsificados ou de origem duvidosa. A Associação Brasileira de Bebidas (ABRABE) conduziu uma busca rápida de 20 minutos no ambiente online, revelando a existência de aproximadamente 1.800 garrafas de bebidas provenientes do mercado ilegal. Diante disso, a ABRABE ressalta a importância de os consumidores adotarem precauções antes de fazer compras tentadoras em promoções online.

A ABRABE, entidade ligada ao setor de bebidas alcoólicas, orienta os consumidores a se manterem cautelosos em relação a preços significativamente abaixo da média do mercado. “Durante nossa pesquisa, encontramos rapidamente várias ofertas suspeitas de bebidas sendo vendidas com descontos de até 75% em relação ao preço normal de mercado. O preço é o primeiro sinal de que a bebida pode ser ilegal, já que, devido aos impostos, é improvável encontrar tais diferenças nos preços do mercado legal. É fundamental estar sempre atento ao comprar online, especialmente ao se deparar com grandes promoções em marketplaces, onde criminosos aproveitam o entusiasmo dos consumidores por descontos para aplicar golpes”, alerta Cristiane Foja, presidente-executiva da associação.

Na análise breve feita pela ABRABE, também foram identificadas mais de 400 garrafas vazias de bebidas famosas em um único site de vendas online. Em apenas 20 minutos de busca, foram encontrados mais de 25 anúncios similares nesse mesmo site. A presença desses produtos nos marketplaces chamou a atenção da associação, uma vez que essas empresas possuem proteção legal e não autorizam esse tipo de comercialização. Para a destinação adequada desse tipo de embalagem, a associação implementou um programa de logística reversa chamado “Glass Is Good“, que já recuperou mais de 162 mil toneladas de vidro, resultando em uma economia de 78 mil megawatts de energia e na redução da emissão de 86 mil toneladas de CO2 na atmosfera.

No cenário atual, as vendas online ainda carecem de um maior nível de fiscalização. Caso um consumidor já tenha adquirido um produto suspeito, a ABRABE aconselha a verificar as características e a procedência da bebida alcoólica. “Verifique se o contrarrótulo está em português e apresenta o registro do MAPA. Também é válido verificar se a embalagem está em boas condições e se o lacre não apresenta irregularidades, além de conferir se o líquido possui a cor normal. Bebidas ilegais, por não terem garantias de origem, podem ter efeitos prejudiciais à saúde e até mesmo causar danos fatais, já que você não sabe o que está consumindo”, alerta a executiva.

No âmbito da economia, o setor de bebidas é um dos mais afetados pela criminalidade. Portanto, há muitos anos, a ABRABE tem implementado iniciativas para combater o mercado ilegal, sendo sua atuação reconhecida com o Prêmio Nacional de Combate à Pirataria em 2021, concedido pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública através do Conselho Nacional de Combate à Pirataria (CNCP). A associação também promove treinamentos de combate ao mercado ilegal voltados para as autoridades encarregadas de reprimir essa prática, como profissionais da Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal e Receita Federal.

Caso consumidores se deparem com atividades ilegais desse tipo, eles podem denunciar através do e-mail denuncie@abrabe.org.br.

Sobre a ABRABE

Fundada em 1974, a Associação Brasileira de Bebidas (ABRABE) atua em prol dos interesses do setor de fabricantes e importadores de bebidas no Brasil, sendo a única entidade a representar exclusivamente bebidas alcoólicas em todas as suas categorias. A ABRABE possui 36 associados, abrangendo empresas nacionais e multinacionais, formando um mercado diversificado de bebidas alcoólicas no Brasil. A atuação da ABRABE é baseada em cinco propósitos estratégicos: desenvolvimento econômico do setor, sustentabilidade na cadeia de valor, relação responsável entre bebidas alcoólicas e sociedade, ambiente saudável de concorrência e oportunidades para aprimorar o mercado.

Comentários
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Quem Sou

Sou jornalista especialista em vinhos e em comunicação digital. Sou sommelier Fisar e diretora da Associação Brasileira de Sommeliers do DF. Possuo qualificação Nível 3 (Wine Spirit Education Trust) e o Intermediário do ISG. Também tenho certificado em vinhos franceses (FWS) e vinhos californianos (CWAS).

Categorias

Veja Também

Destaques do Dia do Vinho

Depois de conquistar o público brasiliense com bons vinhos, alta gastronomia e sofisticação, o Dia…

Explorando o Alentejo através dos Vinhos da Herdade do Peso

Participei de uma empolgante degustação organizada pela Zahil, destacando os prestigiados vinhos da Herdade do…

Descobrindo os tesouros da Vinícola Barbanera

Participei de uma degustação no restaurante Piselli, organizada pela Del Maipo importadora, para apresentar cinco…

Porto a Porto promove almoço harmonizado com vinhos da linha VOGA Itália

Participei de um evento memorável organizado pela Porto a Porto, onde tive a oportunidade de…