Diferença entre Battonage e Sur Lie

Battonage - Referência: Eno Cultura
Battonage – Referência: Eno Cultura

Battonage e Sur lie são técnicas usadas na produção de vinho, principalmente de vinhos brancos. Embora estejam relacionadas, elas têm diferenças distintas.

Battonage é um termo francês que se refere ao processo de agitar ou mexer o vinho enquanto está em contato com as suas borras, também conhecidas como sedimentos de leveduras mortas que se depositam no fundo do recipiente de fermentação. Essa técnica é comumente usada para vinhos brancos fermentados em barricas de carvalho. Ao mexer as borras, o vinho ganha maior contato com elas, o que pode trazer benefícios, como a liberação de compostos aromáticos e aporte de textura e complexidade ao vinho.

Sur lie - Referência: Casa Tertúlia
Sur lie – Referência: Casa Tertúlia

Sur lie, por outro lado, é uma expressão francesa que significa “sobre as borras”. Refere-se ao processo de deixar o vinho em contato com as suas borras após a fermentação, normalmente na mesma cuba de fermentação ou em barricas. Essa técnica é comumente usada para vinhos brancos e espumantes, onde o vinho é deixado sobre as borras por um período prolongado, que pode variar de alguns meses a vários anos. Durante esse tempo, o vinho adquire características adicionais, como maior complexidade aromática, textura mais cremosa e sabores mais ricos.

Em resumo, o battonage é o processo de mexer o vinho enquanto está em contato com as borras, enquanto sur lie é o processo de deixar o vinho em contato direto com as borras após a fermentação. Ambas as técnicas podem contribuir para a qualidade e complexidade do vinho, adicionando camadas de sabor e textura, mas o battonage é uma ação específica realizada durante o período de sur lie.

Comentários
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Quem Sou

Sou jornalista especialista em vinhos e em comunicação digital. Sou sommelier Fisar e diretora da Associação Brasileira de Sommeliers do DF. Possuo qualificação Nível 3 (Wine Spirit Education Trust) e o Intermediário do ISG. Também tenho certificado em vinhos franceses (FWS) e vinhos californianos (CWAS).

Categorias

Veja Também

Semana de Alimentação Fora do Lar destaca reforma tributária e apoio ao empreendedorismo

Na noite desta terça-feira (11), diversas lideranças do setor produtivo e autoridades públicas participaram da…

Rótulos Inovadores e Novas Regulamentações da União Europeia

Nos últimos anos, os rótulos de produtos, especialmente no setor de vinhos e espumantes, têm…

Produção nacional segue conquistando prêmios na França

Os vinhos e espumantes brasileiros seguem conquistando prêmios na França. Somente neste ano, já foram…

Dia do Vinho no restaurante Ticiana Werner

Depois de conquistar o público brasiliense com vinhos de qualidade, alta gastronomia, requinte e sofisticação,…